Yes, it was Possible!

Yes, it was Possible!

AEE /

Desde há três anos que o Agrupamento de Escolas de Estarreja desenvolve o Projeto Make it Possible, projeto desenhado pela AIESEC Portugal, promovido pela AIESEC in Aveiro (Universidade de Aveiro), e tendo como objetivo envolver os jovens estudantes do Ensino Secundário em ações promotoras do cumprimento dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS). O projeto dirige-se exclusivamente a alunos do Ensino Secundário e é obrigatoriamente desenvolvido em inglês, em todas as suas fases.

Assim, durante seis semanas e com a participação de duas estagiárias internacionais da AIESEC, foi dinamizado nas turmas do 10oE, 11oL e 11oM, pelas respetivas professoras de Inglês Eulália Gomes, Glória Silva e Lucinda Leal um conjunto de atividades conducentes a vários projetos/propostas de solução para problemas locais envolvendo diversos agentes e sob o lema “Estarreja, Cidade Inclusiva e Sustentável”. O principal objetivo deste projeto é sensibilizar, envolver e promover a abertura a partilhas e parcerias para a construção de um mundo mais sustentável, intervindo localmente com finalidades globais. Neste sentido, as propostas dos alunos destas turmas saíram da sua sala de aula para as salas de aula de diversas turmas dos 7o e 9o ano da escola mas também saíram da escola e envolveram a participação dos alunos do 3o e 4o ano da EBPDAF e de todos o alunos do pré-escolar e do 1o ciclo da EB1de Cabeças.

O ponto alto do Make it Possible foi a participação no Drawing Attention, no dia 25 de fevereiro, no Fórum Aveiro, onde as diferentes escolas, do distrito, envolvidas, apresentaram os projetos que desenvolveram e participaram em diferentes atividades promovidas pela AIESEC in Aveiro, nomeadamente o debate, objeto de notícia específica.

Para a concretização e sucesso deste projeto, cujos alicerces são os 5 P’s – Pessoas, Planeta, Parcerias, Paz e Prosperidade – foi imprescindível o entusiasmado empenho dos alunos, das professoras dinamizadoras e das estagiárias da AIESEC Julieth Palomo, da Colômbia e Jasmin Weyel, da Alemanha. Mas foi também imprescindível a colaboração da Educadora Fátima Albuquerque e da Coordenadora do Departamento do 1o ciclo, Catarina Rodrigues bem como de muitos outros entre os quais as professoras Patrícia Balacó, Manuela Afonso, Rosário Santos, Cristina Campizes, Elsa Machado, Paula Luzes, Teresa Vieira, Fátima Borralho e Etelvina Soares e os professores Paulo Santos, Carlos Oliveira e Edgar Dias. Todos contribuíram (num apoio ora pedagógico, ora logístico) para levar a cabo este projeto e para concretizar a ideia de trabalho colaborativo e o espírito de verdadeira cultura de grupo num propósito único que é o da formação e sucesso dos alunos, tendo-os sempre como alvo de toda a ação pedagógica mas, essencialmente, como protagonistas e agentes ativos da sua aprendizagem e da construção do seu futuro.