Escola Básica Padre Donaciano de Abreu Freire

GIAE

Aceder aqui

Sobre a escola

Donaciano da Silva Bastos de Abreu Freire, “um dos maiores oradores sagrados portugueses do século XX”, no dizer de Filipe de Figueiredo (1985), é filho do concelho de Estarreja, tendo nascido em Pardilhó, a 15 de novembro de 1889. Detentor de uma obra literária multifacetada, o Padre Donaciano pregou a sua doutrina quase toda a sua vida na freguesia de Beduído.

É ordenado sacerdote no ano de 1912, passando parte da sua vida de sacerdócio no norte do país, onde desempenha funções de professor num dos mais conceituados colégios do Porto, o Colégio Almeida Garrett.

Em 1922, com 32 anos de idade e com toda a sua experiência pessoal e pedagógica, é-lhe confiada a freguesia de Estarreja.

O Padre Donaciano, como homem sensível que era, perturbava-o ver jovens interessados, inteligentes, não poderem prosseguir estudos, para além da instrução primária, por falta de recursos materiais.

Em 1923, para responder às necessidades da população, congregou esforços, reuniu boas vontades, contratou pessoal administrativo, constituiu um corpo docente, arrendou um edifício e abriu as portas do Externato de Estarreja, perto da única Escola Primária da vila, a Escola Conde Ferreira.

Ao fim de oito anos, o Externato foi-se mostrando inadequado, por insuficiente, porquanto recorriam a ele alunos de toda a região.

Mas, o Padre Donaciano não desiste. Em 1931, em parceria com outros ilustres, funda o Colégio D. Egas Moniz, instalado, numa fase inicial, numa vivenda sumptuosa, na Praça de Estarreja (edifício depois transformado na Casa do Pessoal do Amoníaco Português, mais tarde Quimigal, e hoje a Biblioteca Municipal). Mais tarde foi construído, propositadamente para o efeito, um edifício que, posteriormente, vem a ser adquirido para que nele seja instalada a Escola Secundária.

No ano letivo 1985/1986, este edifício, após algumas transformações, recebe a Escola Preparatória de Estarreja, assumindo, a dezoito de abril de 1996, oficialmente o nome de Escola Básica dos 2º e 3º Ciclos Padre Donaciano de Abreu Freire, em homenagem ao grande precursor do ensino na região.

Mas o número crescente de alunos e o desajustamento progressivo do edifício à realidade escolar vem dar lugar a um novo edifício, na Arrotinha, continuando com o mesmo patrono, inaugurado a 20 de outubro de 2000. A partir de janeiro de 2009, recebe uma nova estruturação, agrupando dez estabelecimentos de educação pré-escolar, nove estabelecimentos do 1º ciclo e um estabelecimento dos 1º, 2º e 3º ciclos do ensino básico, contando, igualmente, com Pré-escolar, desde o ano letivo 2003/2004 (anteriormente Jardim de Infância do Paço). Fazia parte integrante também da Escola Básica Padre Donaciano de Abreu Freire (sede do Agrupamento, à data) a Unidade de Apoio Especializado para a Educação a Alunos com Multideficiência e Surdocegueira Congénita.

No ano letivo 2012/2013, sob a responsabilidade da autarquia local, com o propósito de constituir nesta escola um “centro escolar”, a receber as crianças de Beduido e Veiros, foi concluída a construção de um bloco, para receber, em princípio, a educação pré-escolar, e onde atualmente, se encontram instaladas duas salas de Jardim de Infância. No ano letivo 2012/2013, a Escola Básica do 1º Ciclo do Agro passa a fazer parte integrante da Escola Padre Donaciano de Abreu Freire e surge uma nova reestruturação. A Escola Padre Donaciano de Abreu Freire passa a fazer constituinte do agrupamento, com sede na Escola Secundária de Estarreja.

Atualmente a Escola Padre Donaciano de Abreu Freire é composta por seis blocos, por onde se distribuem salas de aula, salas de Informática, biblioteca, reprografia, papelaria, sala de recursos, sala para atendimento de encarregados de educação, sala de professores, sala de diretores de turma, bufete, cozinha/refeitório, e pavilhão gimnodesportivo.

No corrente ano letivo, a Escola Básica Padre Donaciano de Abreu Freire serve uma população escolar de 615 alunos, com um número de salas adequado à realidade. A escola acolhe duas turmas da educação pré-escolar, totalizando 51 alunos (extintos Jardim-de-Infância do Paço e do Agro), nove turmas do 1º ciclo (extintas Escolas Básicas do Paço e do Agro) com um total de 183 alunos e quinze turmas do 2º ciclo com um total de 353 alunos. Como instituição de educação e ensino, conta com a colaboração de 32 docentes e cerca de 21 elementos de pessoal não docente. A população discente frequenta predominantemente o ensino regular. No entanto, como oferta formativa a uma franja específica da sua população escolar conta com uma turma de curso vocacional.

Em termos de equipamento didático e tecnológico, a Escola Básica Padre Donaciano de Abreu Freire tem condições satisfatórias. É ambição da escola formar os alunos para o Sucesso escolar, educativo, profissional social e pessoal. Educar para uma Cidadania plena e responsável, procurando sempre minimizar atitudes e comportamentos cívicos indesejáveis, resolver algumas situações de indisciplina em contexto de aula, insucesso escolar (mais evidente no 2º ciclo), falta de hábitos de trabalho e de estudo. Poderiam ser apontados muitos outros constrangimentos mas, a verdade, é que a escola não cruza os braços e continua a percorrer o caminho que lhe foi confiado, na materialização de uma escola empenhada, eficaz e eficiente, capaz de tornar os seus alunos competentes na escola e na sociedade.